Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Surfar nos Pensamentos

Surfar nos Pensamentos

24
Nov18

Uma reflexão para o futuro!

Pedro Almeida

Não devemos olhar para a solidão apenas

pelo lado negativo, todos nós precisamos de estar

a sós com a nossa própria pesssoa...

Por vezes, há que ser retrospetivo e ter momentos

de reflexão sobre o passado ou o presente, para desenharmos

um futuro mais consciente!

 

Nem sempre é fácil pensar duas vezes nas situações

momentâneas e errar será uma constante na nossa vida.

No entanto, ao refletirmos sobre determinada situação

negativa, é possível que tenhamos menos vezes esse

comportamentos negativo no futuro!

 

A reflexão leva a que os erros nos acompanhem como 

lições passadas e não como momentos recorrentes.

21
Nov18

O Poder de uma Pausa

Pedro Almeida

Há dias em que sentimos que aquilo que 

estamos a fazer não é suficiente ou que não vamos conseguir...

na maior parte das vezes por estarmos a olhar horas a fio para 

o mesmo trabalho e a cabeça começar a ficar cansada.

 

Quando nos deparamos com essa situação, o melhor

é relaxar a nossa mente e ler um livro ou até ficar

ao parapeito da janela a ver o céu estrelado!

 

De que vale querermos acabar um trabalho se não 

tivermos lúcidos daquilo que vamos fazer?

 

O melhor mesmo é fazer uma pausa do que andar

às voltas com algo que não ata nem desata!

17
Nov18

O relógio da Vida

Pedro Almeida

O tempo não volta nem pára, mas dá-nos tudo o que precisamos

para viver a vida!

 

O tempo dita a nossa vida, é o sinal de que estamos vivos, e nós?

Nós pautamos o nosso ritmo e aquilo que queremos fazer ou 

quando queremos fazer!

 

O tempo é o relógio da nossa vida e quando o ponteiro do relógio

parar, será o ponto final da vida... Porém, porquê pensar no ponto final

quando podemos usar vírgulas para refletir ou relaxar a mente?

 

As vírgulas evitam os pontos finais e a vida continua!

14
Nov18

“Dá-me Valor e eu Dar-te-ei Esperança”

Pedro Almeida

O valor reside no pensamento e na observação de cada pessoa, e o problema é que o nosso pensamento é

obstruído por inúmeras situações más, dificultando assim a atribuição de valor à simplicidade. 

 

Como é que as pessoas querem mudar o mundo e ajudar o meio-ambiente se não dão valor ao que nos faz realmente viver?

Querem inovar a sociedade mas não encontram um sistema que ajude todos e não apenas quem tem dinheiro...

Querem ajudar o meio-ambiente mas não abdicam da energia consumida em algo inútil...

Querem ser felizes mas não dão valor ao que as faz ter esse sentimento dia após dia.

 

Não é o dinheiro nem a política que vos vai encaminhar para a felicidade,

nós somos seres-humanos com instinto de sobrevivência que vive em sociedade

e se não procurarmos razões para sermos felizes ninguém o vai fazer por nós.

 

 

Aliás, quem nos quer mal até “suga” a nossa felicidade, dignidade, a identidade que temos em sociedade..

 

Deem valor, valor e valor a tudo o que vos faça sorrir, a tudo o que vos faça ser vocês mesmos. 

Esqueçam promessas sem “ponta que se pegue”,

a vossa vida merece mais do que meras palavras e escassas ações,

procurem a verdadeira razão de ser felizes.

 

10
Nov18

Um enigma chamado de "vida"

Pedro Almeida

De que vale viver a vida sem um propósito que nos faça viver?

 

Nada nos garante que a vida seja um mar de rosas

nem nada impede que as pedras nos possam atingir

com tanto impacto que nos fazem pensar em desistir!

 

No entanto, esse é o verdadeiro enigma da vida, ou seja,

encontrar razões para viver, contrariando a nossa

mente ou o nosso coração naqueles momentos

complexos e difíceis de ultrapassar.

 

Um enigma que dura desde o nosso nascimento

até ao fim das nossas vidas, mas que se o soubermos resolver,

irá proporcionar momentos marcantes e prazerosos,

contrastando com a dificuldade que sempre irá existir.

07
Nov18

A certeza que não é uma certeza

Pedro Almeida

A única certeza que temos é de que não temos

a carteza de nada, na verdade nós vivemos num mundo

de possibilidades e muitas das vezes o rumo da nossa vida

está nas nossas mãos... somos nós que damos sentido à vida

porque esta por si só não o tem!

 

Nada pode ser dado como garantido e a todo o momento

temos algo a provar para que continuemos a ser merecedores

daquilo que se encontra no nosso "poder".

No entanto, é preciso ter noção de que o esforço e a

dedicação nem sempre irão traduzir-se na eternidade, isto é,

há elementos exteriores que não controlamos... por isso, torna-se

fundamental garantir que damos o nosso melhor em tudo!

 

 

04
Nov18

Entre as Trevas e o Sonho

Pedro Almeida

No dias intensos e chuvosos, os sonhos são o

comando da nossa vida e aquilo que nos faz ultrapassar

o cansaço que, por vezes, tenta ofuscar o brilho que o 

 o futuro tem para nos saudar!

 

Não importa o quão escuro pode ser o dia,

nem o quão tenebrosa pode ser a noite,

há sempre algo que nos possamos orgulhar

ou alguém à nossa espera para partilhar a sua sabedoria!

 

O que importa é que no meio da tormenta há sempre

espaço para sorrir e um sonho a alcançar!

03
Nov18

Nostalgia, onde andas tu?

Pedro Almeida

A vida é feita de oportunidades que tão rápido surgem

como tão rápido vão, e por vezes, as decisões que tomamos 

demoram apenas meros segundos! No entanto, cada uma

dessas decisões levam-nos a viver momentos que "alimentam"

a nossa alma e quando estes deixam de existir... é altura de 

saber guardar esses momentos enquanto algo que mais tarde

iremos querer voltar a recordar!

 

A tristeza faz parte daquilo que vivemos e ser nostálgico

é não abandonar aquilo que um dia já vivemos...

Imaginem voltar a entrar naquele local que vos traz tantas

recordações, o cinema onde viram o primeiro filme ou talvez loja

de animais onde comparam os primeiros peixinhos...

 

Um local que agora se transformou em nostalgia... 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Calendário

Novembro 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930